A imprensa e a repercussão dos protestos

A imprensa e a repercussão dos protestos

Já destacamos aqui o papel da imprensa na cobertura deste período de pandemia global e nosso objetivo é além de endossar o grande trabalho que o jornalismo vem feito no mundo e especificamente no Brasil. A importância de uma imprensa livre é incomensurável para a democracia funcionar, bem como um braço para ajudar a sociedade fornecendo informações úteis e conhecimento.

Além disso, a imprensa vem cobrindo muitos assuntos além do avanço da pandemia em si, assuntos políticos e gestão da crise nos países, economia e as reações do mercado a cada novo fato, entre outros. Com isso queremos trazer alguns fatos interessantes encontrados no nosso banco de dados onde monitoramos mais 4 milhões de notícias por mês.

Não é novidade para ninguém que o assassinato do afro-americano George Floyd no dia 25/05 em Mineápolis(USA) por um policial branco desencadeou uma série de acontecimentos e não só na América, mas no Brasil e no mundo. Protestos contra a constante violência policial nas comunidades negras levando até mesmo a mortes(como o caso do Floyd) e racismo implodiram em diversos atos, tanto na internet quanto nas ruas, mesmo com as recomendações de distanciamento social e confinamento.

Ainda hoje, 19 dias depois do ocorrido muitos atos tem ocorrido no mundo inteiro. Como não poderia deixar de ser, a imprensa vem repercutindo fortemente os acontecimentos e queremos mostrar algumas observações dos dados sobre o assunto encontrados no nosso banco de dados.

No período de 25/05/2020 - 12/06/2020 registramos 5.852 notícias online no Brasil com menções a termos com as combinações:

“protestos” and “vidas negras importam”

“protestos” and “black lives matter”

“protestos” and “black live matter”

“protestos” and “black live matters”

“protestos” and “black lives matters”

“protestos” and “vida negra importa”

Isso se tratando de notícias online de natureza nativa da internet, ou seja, textuais, sem considerarmos flips de jornais, PDFs, vídeos e áudios com conteúdos noticiosos, veículos de imprensa de vários tamanhos e audiência.

Consultas por George Floyd continuam em alta e em países como Colômbia, Filipinas, México, Romênia e Peru essas consultas excedem e muito as buscas por Black Lives Matter com uma média de 93% para 7% respectivamente, por exemplo. No Brasil, Acre e Tocantins lideram essa comparação de pesquisa por George Floyd vs Black Lives Matter com 91% para 9%, respectivamente.

Entrando nas notícias novamente, neste mesmo período do ano de 2019 o volume de notícias gerados na internet para os mesmos termos foi de 13 notícias, 13, no ano inteiro de 2019 foram encontradas 532 notícias. Claro que a ideia aqui não é comparar volumes por si só, porque um acontecimento pode mudar e muda tudo. A questão é que o problema é recorrente, mas a mídia não coloca os refletores em todos ocorridos e isso pode contribuir para que o problema continue, assim como quando ela coloca luzes sobre os ocorridos ajuda a combater um problema. A repercussão causada, o alcance e os debates gerados a partir disso poderá ser positivo para encontrarmos uma solução e com isso mais uma vez o jornalismo estará cumprindo o seu papel para com a sociedade.

Vidas negras importam, gerar notícias que falam sobre isso importa e em um ambiente onde cada vez mais os conteúdos online vão se multiplicando, somente no Klipbox você monitora todas as notícias mais relevantes, das melhores fontes e com o menor esforço possível.

Leave A Comment